“Marcas novas precisam de ainda mais agilidade”

Data de publicação: 21 de fevereiro de 2019

Ariel Grunkraut, diretor de vendas e marketing do Burger King Brasil, fala sobre expansão da Popeyes, que deve abrir 20 lojas neste ano.

Ariel-Grunkraut - opp

Ariel Grunkraut, diretor de vendas e marketing do Burger King Brasil (Crédito: Divulgação)

No Brasil desde outubro de 2018, a rede Popeyes, comprada pelo Burger King em 2017, inicia uma nova fase de expansão. A estimativa é abrir entre 15 e 20 lojas até o fim de 2019, com foco inicialmente em São Paulo. A rede de frango frito já inaugurou dez lojas em São Paulo e Grande São Paulo e criou uma nova ativação para anunciar a chegada ao Shopping Cidade São Paulo, na Avenida Paulista.

“Em 2019 pretendemos continuar expandindo o nosso conhecimento de marca, seja através da abertura de novas lojas em São Paulo ou por meio de campanhas ousadas com foco nos principais diferenciais de produto Popeyes”, explica Ariel Grunkraut, diretor de vendas e marketing do Burger King Brasil.

Em entrevista, Ariel reforça que a construção de marca requer agilidade e que o conceito de hackvertising, tão utilizado pelo BBK, também é uma premissa para a Popeyes, que é atendida no Brasil pela F.biz.

Meio & Mensagem- Qual tem sido o maior desafio da marca? Quais ajustes ou correções de rota já foram necessários?
Ariel Grunkraut – Fazer com que as pessoas conheçam Popeyes e nossos diferenciais exclusivos de produção. No que diz respeito ao consumo de frango fora de casa, nosso principal desafio é tornar o frango, que hoje é muito relacionado a momentos de restrição para nossos consumidores, possa ser percebido também como uma alternativa indulgente e diferente ao que ele já está acostumado a comer nos outros fast-foods.

marca está herdando um pouco do estilo do Burger King em termos de agilidade considerando as três últimas ações?
Acreditamos que essa agilidade, muito característica de Burger King, é algo que todas as marcas deveriam buscar para se manterem atuais e relevantes em um cenário onde tudo está mudando, inclusive nosso consumidor, em velocidades nunca vistas e isso não poderia ser diferente para Popeyes. Como uma nova marca no mercado, precisamos criar conversas de forma ágil para não perder o interesse do nosso público, ao mesmo tempo em que construímos nossos principais diferenciais de forma clara. Importante ressaltar que nunca podemos perder de vista o posicionamento que as marcas têm e que as diferenciam, tanto aqui no Brasil como no mundo todo.

Como você acha que o conceito de hackvertising pode ser aplicado também para Popeyes?
O hackvertising pode sim ser aplicado para Popeyes (e qualquer marca na verdade) desde que se tenha em mente que o objetivo final é sempre criar relevância em torno da marca e dos seus atributos ao se “infiltrar” em uma conversa atual. A preocupação aqui é permanecer fiel ao seu posicionamento de marca e realmente ter algo para falar de forma honesta e autêntica- não é entrar em qualquer conversa, mas sim entender, por exemplo, quais assuntos tem a ver com Popeyes.

Quais os planos de marketing para 2019? Quais os principais drivers e, pode adiantar alguma coisa pontual?
Em 2019 pretendemos continuar expandindo o nosso conhecimento de marca, seja através da abertura de novas lojas em São Paulo ou por meio de campanhas ousadas com foco nos principais diferenciais de produto Popeyes.

Fonte: http://www.meioemensagem.com.br


Veja Também

Newsletter

Receba novidades e promoções do nosso site.